OPENNMS- Instalando e configurando o opennms- Software livre para gerenciamento de redes

Na primeira parte desse artigo  Conhecendo o openNMS- Software livre para gerenciamento de redes Parte I,  mostramos algumas utlidades do openms e na segunda parte iremos mostrar como instalar e configurar  o opennms para nos auxiliar no gerenciamento da rede.

Primeiro será necessário adicionar os repositórios do opennms no seu source list /etc/apt/sources.lists.

 deb http://debian.opennms.org stable main
 deb-src http://debian.opennms.org stable main

(Caso queira utilizar uma versão em desenvolvimento utilize os endereços abaixo:

 deb http://debian.opennms.org unstable main
 deb-src http://debian.opennms.org unstable main

Adicone a chave pgp do repositorio OpenNMS.  22EE DDA6 8698 B02F B2EC  50B7 062B 8A68 4C4C BBD9

 wget -O - http://debian.opennms.org/OPENNMS-GPG-KEY | sudo apt-key add -

Atualize a lista de pacotes:


   apt-get update

E instale o OpenNMS:

   apt-get install opennms


Após completar instalação do opennms e suas dependências é necessário exportar a variável $OPENNMS_HOME.

 export OPENNMS_HOME=/usr/share/opennms


Configurando a  base de dados:

Inicie o postgresql
    /etc/init.d/postgresql-X.X start
  


Edite o arquivo  pg_hba.conf no diretorio /etc/postgresql/X.X/main para permitir a autenticação no postgresql



 local   all         all                               ident sameuser
 host    all         all         127.0.0.1/32          ident sameuser
 host    all         all         ::1/128               ident sameuser

Altere o  "ident sameuser" para  "trust":

 local   all         all                               trust
 host    all         all         127.0.0.1/32          trust
 host    all         all         ::1/128               trust

Edite postgresql.conf e permita as conexões por tcp/ip.


 tcpip_socket = true

ou em versões mais recentes:

 listen_addresses = 'localhost'

configure o numero máximo de conexões:

 max_connections = 60


Criando o banco de dados do openms:


sudo -u postgres createdb -U postgres -E UNICODE opennms"

Instale o  IPLIKE .

 apt-get install iplike-pgsql83


Informe onde o OpenNMS ira achar o java:



 $OPENNMS_HOME/bin/runjava -s

Caso queira usar um jdk especifico utilize o comando abaixo:

 $OPENNMS_HOME/bin/runjava -S /usr/java/jdk1.5.0_12/bin/java

Adicione o  JAVA_HOME no arquivo /etc/default/opennms

 JAVA_HOME=/usr

Inicializando o  OpenNMS e o banco de dados:


 $OPENNMS_HOME/bin/install -dis

As vezes  é necessário dizer onde o opennms poderá achar o libjicmp.so.

 # i386 Exemplo
 $OPENNMS_HOME/bin/install -dis -l /usr/lib/jni:/usr/lib
 # x86_64 Exemplo
 $OPENNMS_HOME/bin/install -dis -l /usr/lib64/jni:/usr/lib64

Caso apareça um erro  durante uma instalação informando que  "plpgsql" não existe, digite o comando abaixo:

createlang -U postgres plpgsql opennms

Inicializando  OpenNMS


 sudo /etc/init.d/opennms start

Após instalar voce podera acessa-lo atraves do endereço abaixo:

 http://127.0.01:8980/opennms/
Usuário: admin
senha: admin

Descobrindo os serviços na rede:



Primeiro precisa saber quais os dispositivos que  você quer descobrir (roteadores, switchs e etc), o opennms faz uma varredura com ping(protocolo icmp) na sua faixa de endereço.
eira lsita os serviços que encontra nessas maquinas. Voce pode configura as faixas de endereços no caminho Home / Admin / Discovery / Modify Configuration page e começar a fazer o monitoramento.



Por fim iremos configura o email do administrador para que ele receber os alertas gerados pelo openmsn.


Para começar, nós precisamos configurar o usuário "admin" principal para não ter um endereço válido de e-mail.

   1. Entrar como administrador para a interface Web
   2. Ir para a Admin na barra de menu
   3. Na seção de Operações, definir a Notificação botão Status é qui e clique no botão Atualizar
   4. OpenNMS na seção Sistema, vá para o usuário configurar, grupos e funções e, em seguida Configure usuário
   5. Clique no ícone em "Modificar" para o usuário admin
   6. definir o endereço de e-mail e clique no botão Concluir


Agora o openms já esta configura e poderá descobrir os serviços na rede assim como fazer os inventários de hardware das maquinas.

Siga o def_linux no twitter, em breve estaremos sorteando camisas defendendoolinux e um exemplar do livro redes de computadores do Carlos Morimoto.

Veja mais notícias Linux tutoriais do blog aqui.

Defendendo o o linux, blog  o linux  na veia.