Adobe expande abertura de códigos da tecnologia Flash

Abertura permite que desenvolvedores incluam nova funcionalidade à plataforma e criem textos com capacidades avançadas de tipografia.

A Adobe Systems, desenvolvedora norte-americana de softwares, abrirá o código de mais partes da plataforma Flash, voltada a aplicações multimídias de internet, nesta terça-feira (21/7).

A estratégia pode ajudar a empresa a se destacar na forte competição que enfrenta com a plataforma Microsoft Silverlight, que ganhou recentemente sua terceira versão. As partes que serão oferecidas por meio de código aberto são o Open Source Media Framework (OSMF) e o Text Layout Framework.

O OSMF permite que players de mídia sejam criados usando o Flash. Já o Text Layout Framework ajuda na criação livre com os textos no Flash. Capacidades avançadas de tipografia podem ser inclusas em aplicações web.

A Adobe já abriu outras partes de sua plataforma de desenvolvimento, como o Flex Builder, que torna mais intuitiva a criação de interfaces.

“A Adobe está na corrida com a Microsoft por aplicações ricas [de multimídia] para a internet, e o código aberto é um meio poderoso da empresa chegar ao mesmo nível no jogo, considerando a grande adoção da rival entre os desenvolvedores”, afirma Melissa Webster, vice-presidente de tecnologias digitais na consultoria IDC.

Os principais núcleos de desenvolvimento do player Flash e do Flex Builder ainda não têm seus códigos abertos. Mesmo assim, os desenvolvedores encontram mais opções com a tecnologia da Adobe do que com o Silverlight., da Microsoft .“O Flash continua proprietário, mas com o Open Screen Project da empresa, já é possível criar para transmitir mídias no player”, diz Melissa.

Nesta terça-feira (21/7), a Microsoft liberou 20 mil linhas de código à comunidade de Linux.


Clique e veja mais notícias sobre Tecnologia e Software Livre.

Fonte: idgnow

Nenhum comentário: